Bahia -  Saga e Misticismo

Bahia - Saga e Misticismo

Difícilmente um nome poderia expressar melhor a natureza da Bahia como lugar de encontro de etnias, culturas, religiões e civilizações. Fusão e síntese criativa e respeitosa, onde os traços essenciais de cada cultura convivem com vivaz harmonia e dinâmico conflito. Todos os Santos, Todos, sem exclusão: nativos, cátolicos, negros, judeus, orientais e pagãos.

A Bahia não é apenas uma referência histórica. É também expressão fiel do Brasil contemporâneo, de um povo que, mesmo enfrentando problemas de pobreza e miséria em meio a grande riqueza, recusa-se a perder a alegria e a esperança. De um povo que faz da festa sua principal vingança contra a opressão e as dificuldades da vida, a ponto de quase transformar a própia vida em uma festa.  (...)"

Por Antônio Márcio Buainain - Fragmento do prefácio para o livro

2067FT19ATL.jpg
1202ft32ACL.jpg
1207FT17T.jpg
1850ft32CLT.jpg
2163FT22A.jpg
1808ft36.jpg
1832FT30ATL.jpg
2083FT21HD.jpg
2387FT19TL.jpg
2278ft13AL.jpg
2340FT18ALT.jpg
1985FT11.jpg
2004FT26C.jpg
1890FT07ATL*PLINO.jpg
1884FT20CTL.jpg
1925ft21a.jpg
2336FT27ACLT.jpg
2424FT17ATALTA2.jpg