blog

Fora de Foco - O Oneroso Preço da Humilhação

O Oneroso Preço da Humilhação

No mundo as manchetes dos principais jornais destacam os resultados dos jogos do Brasil frente a Alemanha e Holanda como “a maior humilhação sem precedente na história do mundial”. Que vergonha! Um preço demasiado caro para uma população carente em educação, hospital, segurança e valores morais. Naturalmente que a conta desta leviana, insana e oportunista ideia de realizar o mundial no Brasil ainda não foi liquidada, o débito moral em pouco tempo será esquecido, porém o financeiro implacavelmente  o sentiremos durante os próximos anos e décadas.  

São infindáveis os caracteres sobre este assunto que nos causa uma certa ressaca e revolta. Porém como brasileiro e fotógrafo me limito à publicação dessas simbólicas fotografias, realizada no Estado da Bahia, acompanhada de um texto cujo autor desconheço.

Isso representa mais que um simples jogo! Representa a vitória da competência sobre a malandragem! Serve de exemplo para gerações de crianças que saberão que pra vencer na vida tem-se que ralar, treinar, estudar! Acabar com essa história de jeitinho malandro do brasileiro, que ganha jogo com seu gingado, ganha dinheiro sem ser suado, vira presidente sem ter estudado! O grande legado desta copa é o exemplo para gerações do futuro! Que um país é feito por uma população honesta, trabalhadora, e não por uma população transformada em parasita por um governo que nos ensina a receber o alimento na boca e não a lutar para obtê-lo!  A Alemanha ganha com maestria e merecimento! Que nos sirva de lição! Pátria amada Brasil tem que ser amada todos os dias, no nosso trabalho, no nosso estudo, na nossa honestidade! Amar a pátria em um jogo de futebol e no outro dia roubar o país num ato de corrupção, seja ele qual for, furando uma fila, sonegando impostos, matando, roubando! Que amor à pátria é este! Já chega!!! O Brasil cansou de ser traído por seu próprio povo! Que sirva de lição para que nos agigantemos para construirmos um país melhor! Educar nossos filhos pra uma geração de vergonha! Uma verdadeira nação que se orgulha de seu povo, e não só de seu futebol!!”